Quebec vai impor teste de “valores democráticos” para futuros imigrantes


Foi anunciado hoje no diário oficial do governo do Quebec que a partir do dia 01 de janeiro de 2020, todos os estrangeiros e membros da família (maiores de 18 anos) terão que passar um teste de “valores democráticos e valores quebequenses”, tal qual está definido na Lei de Liberdades e Direitos Humanos da província.

Qualquer pessoa que aplicar para um CSQ (Certificat de Sélection du Québec) vai ter até 60 dias para fazer o teste. Ainda não anunciaram muitas informações sobre esse tal teste; Porém para passar o candidato tem de acertar no mínimo 75%.

Ministro da Imigração do Quebec; Responsável pela categoria Trabalhador Qualificado e seus processos como PEQ Estudo e PEQ Trabalho Personalizado
Simon Jolin-Barrette, Ministro de Imigração do Quebec

No caso de reprovação, o candidato pode fazê-lo uma segunda vez. Se novamente for reprovado, então o candidato terá uma terceira e última chance. Se falhar, terá que participar de um curso que será administrado pelo Ministério de Imigração do Quebec chamado Objectif Intégration com carga horária de 24 horas.

Quem já está no Quebec (por conta de um visto de trabalho, por exemplo) e vai tentar imigrar pelo PEQ Trabalho, também terá que fazer o teste ou poderá escolher assistir o curso Objectif Intégration.

Esse teste de “valores democráticos e quebequenses” é algo novo; E partiu do partido que está no poder no momento: CAQ (Coalition Avenir Quebec). Eles ganharam as eleições passadas e prometeram diminuir o tempo atual que se leva para conseguir imigrar para o Canadá através do Quebec.

Foram também anunciadas outras medidas como um teste de francês para familiares do qual falaremos amanhã em outro artigo.

O Teste em Si

Não temos muitas informações sobre o teste em si ainda. Ele será elaborado por “experts” que foram pagos 140.000 dólares para isso.

Apesar dos poucos detalhes, sabemos que ele terá por volta de 20 questões. Ontem o Ministro de Imigração do Quebec (Simon) nos deu alguns exemplos de como serão as perguntas. Vejamos:

«Au Québec, les femmes et les hommes ont les mêmes droits et cette égalité est inscrite dans la loi. Vrai ou faux?»

Tradução livre: No Quebec, as mulheres e os homens tem os mesmos direitos e esta igualdade está escrita na lei. Verdadeiro ou falso?

«Choisissez les illustrations qui représentent les personnes qui ont le droit de se marier au Québec. Choix de réponses : une illustration de deux hommes. Une illustration de deux femmes et un homme. Deux femmes. Une illustration d’un homme et une femme. Une illustration de deux hommes et une femme.»

Tradução livre: Escolha as ilustrações que representam as pessoas que tem o direito de se casar no Quebec. Opções: Figuras: De dois homens; De duas mulheres e um homem; De duas mulheres; Figura de um homem e uma mulher; Figura de dois homens e uma mulher.

«Identifiez la ou les situations où il y a discrimination. Choix de réponses : refuser un emploi à une femme enceinte. Refuser un emploi à une personne qui n’a pas le diplôme requis. Refuser un emploi à une personne à cause de son origine ethnique.»

Tradução livre: Identifique a ou as situações aonde ocorre discriminação. Escolha dentre as opções: Recusar emprego a uma mulher grávida; Recusar um emprego a uma pessoa que não tem o diploma requisitado; Recusar um emprego a uma pessoa por causa de sua origem étnica.

Imigração para o Quebec; Diferenças;

Para quem não está familiarizado com o processo de imigração para o Canadá através do Quebec, ele é um pouco diferente se comparado com as demais províncias. Você tem que criar um perfil no Arrima (sistema de gerenciamento de imigração do governo do Quebec); Se for convidado a aplicar, então você submete um pedido para receber um CSQ; Após o CSQ você aplica para a residência permanente junto ao governo do Canadá.

Diferente das outras províncias, o Governo Federal irá apenas checar seus antecedentes criminais e seus exames médicos (através de um médico credenciado). Por isso que para a grande maioria dos candidatos após a emissão do CSQ, já se pode comemorar o tão sonhado RP.

O Quebec (através da sua Assembléia “Nacional”) é responsável pelo seu próprio processo de imigração. Estabelece o número de candidatos e os critérios. Isso acontece por conta de um acordo assinado entre a província e o Governo Federal. Você pode entender mais lendo aqui: Porque o Quebec seleciona seus próprios imigrantes

Para saber mais sobre as mudanças recentes no Processo de Imigração do Quebec e também sobre o Arrima você pode acessar esse artigo: https://imigrar.com.br/arrima-chama-candidatos-para-csq/

Fonte: “Diário Oficial” do Governo do Quebec

Não perca!

Se você quiser contar com meus serviços de consultor, é só mandar um e-mail para [email protected]Sou credenciado ao órgão regulamentador aqui no Canadá (ICCRC). Meu número de licença é: R705937

Inscreva-se no Site Imigrar Canadá e Quebec e seja notificado por e-mail sempre que um novo artigo ou post for publicado. É só colocar o endereço do seu e-mail abaixo:

Siga nosso Facebook e Instagram para ficar ligado em notícias como essas e muito mais. No Face e Insta tem conteúdo extra que não é publicado aqui.

Imigração Canadá? É aqui! Desde 2012 ajudando você a vir morar no Canadá. Sua fonte número 1 de informação sobre imigração para o Canadá!

Agora que você terminou de ler esse artigo, veja outros artigos: Clique Aqui!

Não esqueça de compartilhar nas suas redes sociais usando os ícones abaixo!

4 thoughts on “Quebec vai impor teste de “valores democráticos” para futuros imigrantes

  1. Concordo, Michely.
    Sobre as outras mudanças, estou fazendo nesse exato momento outro artigo explicando. Não quis misturar o curso de valores com as mudanças feitas nos programas de imigração.

    Att,
    Rafael

  2. Concordo!
    Parece que quanto mais burocracia, melhor para eles.
    Acompanhe a parte 2 que vai sair.

    Rafael

  3. Talvez eu esteja errada, mas isso demonstra o desespero do governo para não deixar a cultura Quebecois morrer, além de obrigar os imigrantes a estudarem para essa prova, a comprovação de idiomas que agora se torna mais forte. Eu entendo o lado deles, mas obrigar dessa forma é complicado. E como há uma independência muito forte dessa província, o governo Federal não pode fazer nada a respeito. Outra mudança, que prejudicou os imigrantes foi a lista de cursos e de profissões lançadas pelo governo, tem que ser somente os que estão naquela lista, o que exclui outros profissionais, eu imagino que seja pela demanda, mas é complicado por exemplo se uma pessoa já está no Canadá sua profissão não está na demanda, ou se essa pessoa terá que mudar de área para poder ter melhores chances no PEQ, são muitas mudanças, e pouco tempo para ajustar e começar. Vamos aguardar e ver como será.

Deixe o seu comentário

Posts Recentes

Site Imigrar (Esta janela vai fechar em 10 segundos)

Inscreva-se no Site Imigrar para receber as últimas atualizações por e-mail.