Categorias
Imigração pro Canadá Imigração Provincial Newfoundland

(Guia) Imigração Newfoundland: todas as formas de se imigrar por Terra Nova e Labrador (2021)

A província de Newfoundland and Labrador vai lançar um programa de imigração novo em 2021. E será mais um processo canadense que será possível tentar imigrar sem job offer e sem precisar estar no Canadá!

Por causa disso resolvi fazer um guia completo com todas as formas de se imigrar para o Canadá através da província de Newfoundland em 2021.

E não se preocupem que nesse artigo você vai saber tudo sobre o novo processo de imigração de Terra Nova e Labrador também. Além das outras opções.

Vamos lá?

Newfoundland and Labrador (Terra Nova e Labrador)

Nem todo mundo conhece ou pesquisa a simpática província de Newfoundland. Acho que muitos já ouviram falar nesse nome por causa do clássico jogo de tabuleiro War que você vê na imagem abaixo.

Fonte: Super Interessante – Abril

O fato é que Newfoundland é uma província canadense, e como tal possui seus próprios programas de imigração provincial (PNP). Não só já tem alguns como vai criar um novo que entrará em vigor no dia 02 de janeiro de 2021, que também iremos abordar.

Então se você quer saber como imigrar para o Canadá através de Newfoundland (Terra Nova e Labrador), aqui você vai descobrir e aprender sobre todos os programas de lá:

  • Express Entry Skilled Worker
  • Skilled Worker
  • Priority Skills
  • International Graduate
  • *Atlantic Immigration Pilot Program

Sim, Terra Nova e Labrador faz parte do Programa do Atlântico, e tem sua lista de empresas designadas.Já falei Programa de Imigração do Atlântico. Vou deixar um link no final para você ler se ainda não o fez. Recomendo bastante pois é um processo de imigração bem interessante.

O Priority Skills é como se fosse um “novo caminho”. O candidato vai acabar imigrando ou pelo Express Entry Skilled Worker ou pelo Skilled Worker, mas isso é mais um detalhe técnico.

Para quem não sabe a província é dividida em duas regiões, a enorme ilha de Newfoundland e a parte continental: Labrador. Acredito que 99.9% das pessoas vão querer morar na ilha. De preferência na capital St John’s ou na região metropolitana.

Falando na capital de São João da Terra Nova (St John’s), é a vigésima maior cidade do Canadá e a segunda maior cidade do Atlântico, perdendo apenas para Halifax.

A cidade tem cerca de 220 mil habitantes segundo dados de 2017. Que para os padrões canadenses, é um tamanho bem respeitável. Ou seja: terá quase tudo que procuramos e queremos nas cidades.

O lado negativo é que a cidade está isolada do resto do Canadá, já que não há pontes. Apesar de que existe uma balsa que liga Newfoundland à Nova Scotia e claro o aeroporto (internacional).

Mas chega de “geografia” e vamos cair na imigração!

Imigração Canadense através de Newfoundland

Quando as pessoas pesquisam sobre imigração canadense, muitas nem leem nada sobre Terra Nova e Labrador. O que na minha opinião é um erro.

A província tem alguns programas provinciais bem interessantes. Inclusive quem for estudar lá, em um college ou universidade, e tentar usar a estratégia do PGWP (+ OWP), existe um programa que talvez é um dos melhores do Canadá.

Se quer conhecer essa estratégia de imigração e aprender tudo sobre o PGWP, é só ler esse meu guia: PGWP: Como imigrar para o Canadá usando o Post-Graduation Work Permit (2020)

O bom é que agora você vai conhecer todos eles.

Express Entry Skilled Worker

Como o nome diz, essa categoria de imigração está ligada ao Express Entry (EE), programa de imigração federal.

Se não sabe muita coisa sobre o EE, recomendo a leitura desse meu guia: Express Entry Canadá: Guia com tudo que você precisa saber! (2020). Assim você não ficará tão perdido.

Express Entry

Resumidamente o EE é um sistema de gerenciamento de imigração, online, do Canadá. O sistema abrange 3 categorias distintas de imigração, e uma quarta que pertence às províncias, mas também usam o Express Entry.

  • Provincial Nominee Class (PNP).
  • Canadian Experience Class (CEC).
  • Federal Skilled Worker Class (FSW).
  • Federal Skilled Trades Class (FST).

E é a primeira da lista: Provincial Nominee Class (PNP), que está ligada ao que iremos falar aqui. Para poder entrar no pool do EE e ter “acesso” ao PNP de NewFoundland a pessoa precisa se qualificar por um dos programas: CEC, FSW e FST.

Para saber como se qualificar e muito mais é só ler meu Guia do EE.

Voltando ao programa, vamos conhecer os critérios:

  • Ter (ou vir a criar) um perfil ativo e válido no Express Entry.
  • Receber uma job offer de um empregador localizado em Newfoundland, nos NOCs 0, A ou B.*
  • A job offer precisa ser de pelo menos 2 anos de duração, com possibilidade de extensão.*
  • O empregador tem que ser elegível.*
  • O candidato tem que marcar pelo menos 67 pontos de 100 possíveis da tabelinha de PNP de NL.*
  • Ter ou ser elegível a um Work Permit. Quem já tiver, o work permit tem que ter pelo menos 4 meses restantes de validade.
  • Ter ensino superior (para diplomas estrangeiros, como o brasileiro) é necessário fazer um ECA).
  • Saber inglês e/ou francês.*
  • Se a profissão for regulamentada ou licenciada, o candidato tem que provar que já tem a autorização necessária antes de aplicar.
  • Pagar a taxa de $250 para Terra Nova e Labrador.

Tudo que eu marquei com um asterisco, vou comentar agora.

Receber uma job offer de um empregador localizado em Newfoundland, nos NOCs 0, A ou B.

O Express Entry só conta experiência nesses níveis de NOC: 0, A ou B. Se você não sabe muita coisa sobre isso, NOC, nível, como achar o NOC da sua profissão, eu fiz um ótimo vídeo te ensinando isso.

Você pode assistir aqui:

A job offer precisa ser de pelo menos 2 anos de duração, com possibilidade de extensão.

O único comentário que queria fazer é que isso é bem atípico. A maioria das províncias exigem que a job offer seja permanente. Já NL abre a possibilidade para o empregador oferecer um contrato.

Acho que além de Newfoundland só Prince Edward Island (PEI) tem algo parecido nesse sentido.

O empregador tem que ser elegível.

Existem alguns critérios para o empregador também. Nada de absurdo, mas é bom saber alguns critérios:

  • O empregador tem que estar em atividade, em NL, por pelo menos 2 anos. Apesar de o Escritório de Imigração de Newfoundland (OIM) diz pode abrir algumas exceções para empresas com apenas 1 ano.
  • O empregador tem que ter pelo menos outros 2 funcionários, se for na região da capital St John’s. Ou apenas 1 empregado, se for fora da região da capital.

Existem outros detalhes técnicos como não tentar pagar um valor abaixo do mínimo da região (para não explorar o imigrante).

O candidato tem que marcar pelo menos 67 pontos de 100 possíveis da tabelinha de PNP de NL.

Parte da tabela de pontos de NL

Vou colocar o link para a tabela de pontos no final do artigo. Não é para confundir essa tabelinha com a tabela do Federal Skilled Worker do Express Entry. São duas coisas diferentes.

Os critérios analisados são:

CritériosPontuação Máxima
Educação28 pontos
Experiência Profissional20 pontos
Idioma27 pontos
Idade12 pontos
Conexão ao Mercado de Trabalho e Adaptabilidade13 pontos

Saber inglês e/ou francês.

A nota do seu exame vai depender também da categoria que você se qualificar no Express Entry.

Se for o Federal Skilled Worker (FSW) você precisará de CLB 7, no mínimo, em inglês ou francês.

Se for pelo Canadian Experience Class (CEC), para pessoas que trabalharam no Canadá por pelo menos 1 ano em NOC 0, A ou B, vai precisar de CLB 7 para NOC 0 ou A e CLB 5 para NOC B.

Federal Skilled Trades precisa de CLB 5 em Speaking e Listening e CLB 4 para Reading e Writing.

O exame não pode ter mais do que 2 anos.

Novidade Interessante

Recentemente Newfoundland and Labrador adicionou uma nota no site oficial deles. E que torna a província mais interessante ainda.

O Escritório de Imigração de Terra Nova e Labrador diz que se uma pessoa tiver um Post-Graduate Work Permit (PGWP) válido e estiver no Express Entry, pode vir a ser chamada para imigrar pela categoria Express Entry Skilled Worker.

Ou seja, mesmo sem job offer, pode ser que algumas pessoas sejam chamadas. Claro que a província irá fazer isso com candidatos interessantes do pool do Express Entry, que tenham boa empregabilidade em NL.

Mas mesmo assim, é um ótimo presente receber uma ITA (Convite para Aplicar para o RP) sem nem “estar esperando”.

Skilled Worker Newfoundland

Etapas envolvidas na categoria Skilled Worker de Newfoundland

A primeira grande diferença é que esse programa não está ligado ao EE. E por isso possibilita imigrar com ofertas de emprego NOC C e D.

Essa categoria funciona tanto para quem está fora do Canadá como para quem já está na província trabalhando com um work permit (permissão de trabalho) válida.

Para ser elegível um candidato precisa ter:

  • Uma oferta de trabalho (job offer) OU um emprego. É necessário que seja de pelo menos 2 anos, com possibilidade de extensão.*
  • Qualificação, licença, treinamento ou habilidade para exercer o cargo.
  • Entre 21 a 59 anos de idade.
  • O empregador tem que ser elegível (mesmo dito na categoria acima).
  • Um Work Permit com pelo menos 4 meses de duração restantes ou ser elegível a um.*
  • Saber inglês ou francês suficiente. Para cargos de nível C ou D, é preciso mandar um teste oficial mostrando pelo menos CLB 4. NOC 0, A ou B, não é necessário, à priori, enviar um teste oficial.

Observação: quem tem um PGWP não pode aplicar por essa categoria, e sim pela International Graduate (veja sobre adiante).

Vou agora explicar o que marquei com um asterisco.

Uma oferta de trabalho (job offer) OU um emprego.

Pode não parecer mas o OU faz toda a diferença. O programa, como dito anteriormente é para pessoas que estejam fora do Canadá (imigrantes prospectivos) ou que já estejam lá trabalhando em Newfoundland.

Acontece que para quem está fora, para poder ser elegível, o empregador vai ter que aplicar para uma Labour Market Impact Assessment (LMIA) ou Job Vacancy Assessment (JVA).

Sem entrar em detalhes técnicos, ambos são passos burocráticos que o empregador terá que fazer para provar que não achou nenhuma pessoa para preencher aquela vaga na região.

A LMIA é feita com o Governo Federal junto ao Ministério do Trabalho do Canadá (ESDC) e a JVA é feita pelo Escritório de Imigração de NewFoundland (OIM).

A JVA é mais importante no contexto da imigração provincial de Terra Nova e Labrador. Já que a LMIA, em si, geralmente não permite a imigração. A parte mais chata para o empregador, em qualquer uma das citadas, é provar os esforços de recrutamento.

Mas para quem tem um work permit válido, o empregador não precisa provar que tentou recrutar alguém, já que o emprego já é seu ou poderá ser seu, desde que você aceite. E esse fato faz toda a diferença!

E como você conseguiria estar lá trabalhando? Existem algumas poucas opções. Por exemplo, existe uma lista de profissões em Terra Nova e Labrador isentas de uma JVA.

Se você estiver fora do Canadá mas trabalhar em uma dessas profissões em alta demanda na província, o empregador é isento desse passo burocrático.

Profissões de Aquacultura e Agricultura podem também não só ser isentas de uma JVA, como também ganhar tratamento prioritário.

Mas o exemplo mais clássico de quem poderia estar na província trabalhando é de casais: enquanto um estuda, o outro pode contar com o Open Work Permit (OWP) e assim acessar o mercado de trabalho. E dessa forma facilitar a vida do empregador.

E falo disso em detalhes no meu Guia do PGWP

Um Work Permit com pelo menos 4 meses de duração restantes ou ser elegível a um.

Para quem se encontra em NL, e quiser aplicar por esse programa, o work permit tem que ter pelo menos 4 meses ainda de validade.

Se a pessoa se encontra fora do Canadá, no Brasil, por exemplo, ela tem que ser elegível a um work permit. Ou seja: entre outras coisas, não ter um passado criminal ou ter uma doença grave e/ou contagiosa.

Priority Skills Newfoundland

O Priority Skills entrará em vigor no dia 02 de janeiro de 2021. E ele possui duas sub-categorias.

Diferente das categorias faladas acima, não é necessário uma job offer ou estar empregado em Terra Nova e Labrador.

Ele vai ter duas sub-categorias: Profissionais Qualificados e Estudantes. E claro, irei falar das duas.

Antes vamos conhecer os critérios que se aplicam às duas sub-categorias:

  • Ter um exame IELTS ou CELPIP de pelo menos CLB5 ou mais. Que tenha sido obtido nos últimos 12 meses.
  • Pelo menos 21 anos de idade.
  • Marcar pelo menos 60 pontos em uma tabelinha deles.
  • Querer morar em Newfoundland and Labrador.

Importante notar que o teste de inglês não pode ser mais “velho” do que 1 ano. Já que a maioria dos programas aceita teste que não tenha passado a validade de 2 anos.

Agora vejamos os critérios específicos de cada sub-categoria.

In-Demand Academic (Estudantes)

Completar ou vir a completar um mestrado ou doutorado/PhD na Memorial University. Nas seguintes áreas:

  • Tecnologia.
  • Saúde.
  • Aquacultura. E
  • Agricultura.

Existe um limite de até 3 anos após se formar para poder aplicar.

Basicamente, você se forma e aplica. Claro que nem todo mundo será convidado para imigrar, mas com certeza a província vai olhar com bons olhos mestres ou doutores formados lá em áreas essenciais da província.

Sem tirar que se não der para imigrar pelo Priority Skills, ainda sobra o International Graduate e/ou o Skilled Worker, para os casados.

In-demand Work (Trabalhadores)

O candidato terá que ter 1 ano de experiência profissional nos últimos 10 anos em uma lista de profissões específicas. Ou seja: se sua profissão estiver na lista, e você tiver os critérios gerais listados acima você pode aplicar.

De novo: isso não quer dizer que você será chamado. A província vai escolher os candidatos mais interessantes, levando em consideração a pontuação na tabelinha de pontos (mais abaixo) e a empregabilidade.

Inclusive, Newfoundland vai perguntar para empresas locais sobre o potencial de empregabilidade dos aplicantes. Apesar de job offer não ser necessário, quanto mais experiência e qualificações, melhor.

Lista de Profissões que permitem imigrar pelo Priority Skills

Antes de listar as profissões, é importante notar que essa é a lista inicial. Mas que o OIM disse que irá alterar a lista conforme o tempo for passando. O link para o site onde você pode encontrar a lista atualizada estará no final do artigo.

Saúde

• Physician (Médico).
• Nurse Practitioner (NP).
• Licensed Practical Nurse (LPN).
• Personal Care Attendant (PCA).
• Clinical Psychologist.
• Medical Physicist.
• Radiation Therapist.
• Dosimetrist.

A área de saúde é bem complicada pois a maioria das profissões são regulamentadas. Apesar de não ser exigido, pelo menos no PDF oficial não é mencionado, que a pessoa já tenha a qualificação, como empresas serão consultadas, todos sabem da dificuldade de revalidar esses diplomas.

A exceção talvez seja para Personal Care Attendant (PCA), que seria uma Auxiliar de Enfermagem/Cuidador de Idosos e Incapazes. Essa profissão não é regulamentada.

Aquacultura

Captain (FM4 certification required)
• Farming and Feeding Manager
• Facility Technician
• Assistant Manager
• Cage Site Technician
• Site Manager (with water quality expertise)
• Area Manager

Não conheço bem essa área, por isso vou me abster de tecer qualquer comentário.

Tecnologia

Eles dividiram em Engenheiros e Desenvolvedores e Especialistas Técnicos.

Engenheiros e Desenvolvimento

• Software Developer
• Biomedical Engineer
• UI/UX Developer
• Electrical Engineer
• AI Developer
• Mechanical Engineer
• Python Developer
• Web Developer
• .NET Developer
• Infrastructure Engineer

Especialistas Técnicos

• Security Specialist
• Cloud Specialist
• Bioinformatician
• Computer Network Support
• Research Associate
• Data Analytics
• Offshore Technician
• ROV Operator
• Ocean Mapping Specialist
• Technical Writer

Na área de Engenharia e Tecnologia existem profissões interessantes. E muitas delas não são regulamentadas (como as de TI). Eu não traduzi as profissões pois se a pessoa não sabe achar o nome da profissão dela em inglês, talvez seja melhor aprimorar o inglês primeiro antes de mais nada.

Tabela de Pontos

Cada sub-categoria tem sua própria tabela de pontos. Para um melhor entendimento e conhecer todo o sistema de pontuação, recomendo ler o PDF oficial e assistir meu vídeo sobre o programa.

Mas os fatores principais pertinentes às duas sub-categorias são:

  • Nível dos idiomas (inglês e/ou francês).
  • Idade.*
  • Nível de educação.*
  • Experiência Profissional.
  • Conexão com a província: parentes que morem em NL.
  • Adaptabilidade: trabalho feito no Canadá ou em Newfoundland.

Sobre a idade é interessante notar que quem tem entre 31 e 40 anos, ganha mais pontos que quem tem entre 21 a 30. Indo na contramão de vários programas de imigração. Inclusive do Express Entry.

Claro que para os Estudantes, que irão encarar um mestrado ou doutorado na Memorial, o curso que será feito, influencia na pontuação. E para os Trabalhadores, o que influencia bastante é o número de anos de experiência em uma das profissões listadas ali em cima.

International Graduate Newfoundland

Como o nome diz, é para estudantes que se formaram em uma instituição de ensino canadense e agora possuem um PGWP. E por causa do PGWP a pessoa ou recebeu uma job offer OU está empregada em Terra Nova e Labrador.

Lembrando que o aviso que dei ali em cima também se aplica aqui. Que foi o fato do Escritório de Imigração de Terra Nova e Labrador dizer que quem tem um Post-Graduate Work Permit (PGWP) válido e estiver no Express Entry, pode vir a ser convidado para imigrar pela província.

Mesmo sem job offer, ou mesmo sem estar ainda empregado(a), o candidato pode vir a ser chamado.

Outro detalhe é que nesse programa, o empregador não precisa provar que tentou recrutar alguém antes de oferecer o emprego ao candidato (dado que ele tem ou terá um PGWP).

Vamos agora aos critérios:

  • Ter um PGWP válido com pelo menos 4 meses de validade restante.
  • Ter um trabalho OU receber uma job offer. Que seja:
    • Em NOC 0, A ou B ou NOC C, desde que seja em uma profissão que esteja na lista em demanda: In-Demand Occupation
    • Full-Time (pelo menos 30 horas por semana).
    • Que tenha pelo menos 1 ano de duração, com boas chances de ser estendida.
    • De um empregador elegível (mesmo que falei lá em cima).
  • Ter entre 21 a 59 anos de idade.
  • Inglês ou francês suficientes para exercer o cargo. NOC C precisa de CLB 5. NOC A ou B, à priori, não precisa enviar teste.

Uma observação importante: se o aplicante estudou em uma instituição fora de Newfoundland e Labrador, o emprego terá que ter ligação com o curso que a pessoa fez. E o aplicante terá que trabalhar por pelo menos 1 ano na província, antes de poder enviar a aplicação.

Já quem se formar em Terra Nova e Labrador, seja na Memorial University ou no College of the North Atlantic (CNA), não precisa trabalhar 1 ano, aliás, ao receber a job offer ou conseguir um emprego que o empregador deseje continuar contando com você, já poderá aplicar.

Outra vantagem de quem estuda na província é poder exercer um emprego que não esteja ligado ao curso. Desde que nos últimos 5 anos a pessoa tenha tido experiência nessa área, seja trabalhando ou fazendo um curso na área do emprego oferecido.

Exemplo 1

Um aplicante se formou na Memorial com um diploma de engenharia mas está trabalhando como Analista Financeiro (NOC 1114). O aplicante tem um diploma de Administração de Empresas, que é ligado ao cargo de Analista Financeiro. Apesar de ter se formado em engenharia em Newfoundland, e está trabalhando em algo que não tem a ver com o curso, por ter um diploma prévio na área, mesmo que seja de outro país, o oficial vai continuar com a aplicação.

Exemplo 2

O aplicante fez uma pós ou mestrado na área de Engenharia na memorial, mas está trabalhando com Serviço Social (NOC 4212). O aplicante trabalhou um ano, no passado, nessa área. Por ter prévia experiência na área, o oficial irá continuar com a aplicação.

Lembrando que isso só se aplica para quem estudou em uma dessas duas instituições públicas de Terra Nova e Labrador: Memorial University ou no College of the North Atlantic (CNA).

Quem estudou, digamos, em Ontário, Nova Scotia etc, o curso e o emprego devem ser na mesma área. Experiência ou diploma prévio não serão levados em conta.

O bom é que quem estudar lá, em NL, poderá procurar emprego tanto na área do curso que se formou, com em outras áreas que tenha tido experiência prévia.

Bom pra quem está querendo mudar de área. Pois assim a pessoa pode primeiro garantir a imigração, para depois de fato buscar emprego na área na qual está tentando mudar de carreira.

Abandonar o curso para imigrar

A maioria das províncias não gostam ou até não permitem que alunos abandonem seus cursos se acharem uma job offer. Por exemplo, New Brunswick claramente diz que quem for estudante full-time, terá problemas em ser admissível ao seu programa provincial.

Já Newfoundland diz que é possível para alunos matriculados na Memorial ou CNA, deixarem o curso para tentar imigrar tanto pelo PNP quando pelo programa do Atlântico.

Existe um procedimento que eles querem que a pessoa siga, mas é possível, por exemplo, enquanto estuda, ativamente procurar um emprego e uma job offer, aplicar para tentar imigrar antes de “abandonar” o curso. E de fato abandonar, se a imigração for adiante.

Atlantic Immigration Pilot Program

NL está na região do Atlântico, e por isso, obviamente, faz parte do Programa do Atlântico.

Eu já falei em detalhes do AIPP (que em breve será permanente) aqui no site. Por isso recomendo a leitura aqui:

AIPP Parte 1 (Explicação sobre o programa)

AIPP Parte 2 (Aqui você acha a lista das empresas designadas de Newfoundland)

Conclusão e Fontes

Terra Nova e Labrador tem várias opções interessantes de imigração. Para quem pretende estudar em college ou universidade no Canadá, com certeza é uma opção a se considerar.

Aliás, o CNA é um dos colleges, 100% público, mais baratos de todo o Canadá. Tem curso lá saindo por cerca de $8.250 por ano (tuition). Enquanto existem províncias que o ano de tuition é praticamente o dobro disso.

Eu fiz um artigo que fala exatamente disso, sobre as províncias mais baratas para se estudar no Canadá. E Newfoundland é a mais barata de todas, segundo dados oficiais do Governo do Canadá.

Você pode ler o artigo aqui: Estudar no Canadá.

Até um tempo atrás, não muito distante, o processo de imigração de Terra Nova e Labrador era até mais acessível. Quem tivesse PGWP conseguia imigrar com profissões de qualquer NOC.

Mas ainda continua muito interessante. Principalmente para quem tiver uma das profissões na lista em demanda da província.

Claro que, como todas as províncias canadenses, tem seus pontos positivos e negativos. Por exemplo, o fato da província estar em uma ilha sem pontes, como já disse anteriormente, acaba que você não pode pegar o carro e visitar as outras províncias vizinhas ou mesmo os Estados Unidos.

Eu, particularmente, preferiria mil vezes ir morar em St John’s do que no meio do nada em uma das províncias famosinhas, ou em Yukon, Nunavut ou nos Territórios do Noroeste. Não tem nem comparação, pelo menos na minha opinião. St John’s até pode ser isolada, mas vai ter uma estrutura de cidade média.

Lembrando que sou Consultor Regulamentado em Imigração aqui no Canadá, e por isso sempre tento trazer a informação mais fidedigna possível.

Mas os programas mudam, são criados novos, critérios alterados, por isso sempre entre nos sites oficiais aqui abaixo para ficar atualizado.

Se quiser saber mais sobre meus serviços ou fazer uma consultoria para analisar seu perfil, me envie um e-mail para contato@imigrar.com.br

Fontes e Links:
Escritório de Imigração de Newfoundland and Labrador (OIM)

Lista das profissões que não precisam que o empregador prove recrutamento e que também são as elegíveis ao Priority Skills

PDF oficial sobre o novo programa Priority Skills NL

Site Oficial do Ministério de Imigração do Canadá (IRCC)

Wikipedia da Província de Terra Nova e Labrador

Wikipedia da cidade de St. John’s

2 respostas em “(Guia) Imigração Newfoundland: todas as formas de se imigrar por Terra Nova e Labrador (2021)”

Oi, Isabella.
Tudo bem? Espero que sim.
Só no caso de NOC C a profissão tem que estar na lista em demanda.
Se for NOC 0, A ou B E você estudou na província, não precisa estar na lista e não precisa estar ligado ao que você estudou (desde que tenha experiência prévia).

Att,
Rafael

Boa tarde, tudo bem? Eu fiquei com dúvida em uma parte, poderia por gentileza me esclarecer?

Na parte em que diz:

“Ter um trabalho OU receber uma job offer. Que seja:
Em NOC 0, A ou B ou NOC C, desde que seja em uma profissão que esteja na lista em demanda: In-Demand Occupation”

O meu trabalho ou minha job offer tem que estar obrigatoriamente na lista de demanda ou apenas no caso de NOC C tem que estar obrigatoriamente na lista de demanda? Caso eu consiga um emprego ou uma job offer que seja no NOC 0,A, ou B mas que não esteja na lista eu ainda assim me qualifico?

Deixe o seu comentário