Categorias
Federal Skilled Worker Imigração Federal Notícias

Federal Skilled Worker (programa de imigração federal para o Canada) será reaberto com novos limites e profissões

O Federal Skilled Worker (FSW), um dos mais famosos programas de imigração para o Canada, será reaberto em breve e ganhou novas profissões na lista.

Este artigo está desatualizado. Para os processos disponíveis e abertos em 2019, acesse: https://imigrar.com.br/saiba-como-imigrar-para-o-canada/

Muitos boatos diziam que o FSW não seria aberto em 2014 e somente em 2015 com acentuadas mudanças e até um novo nome (Express Entry) porém aqui está o bom e velho programa de imigração federal do Canada. Com novas profissões e um limite de 1000 aplicações para cada profissão.

O anúncio do CIC (“Ministério de Imigração do Canadá”) sobre o FSW de 2014 também trouxe novidades sobre o Express Entry (que será o novo programa de imigração federal do Canada). O ministro do CIC, Chris Alexander anunciou novas medidas para preparar o lançamento do Express Entry (EE). O EE vai levar a imigração para o Canadá a ser rápida, flexível e com altas taxas de sucesso atendendo às demandas do mercado de trabalho do Canada.

Para preparar o lançamento do EE em 2015 o CIC vai aceitar este ano aplicações para o Federal Skilled Worker Program (FSWP), Federal Skilled Trades Program (FSTP) e o Canadian Experience Class (CEC) que começarão a ser aceitas já no dia 1º de Maio. Estas vagas irão alimentar o mercado canadense e evitará que algumas profissões em demanda fiquem sem pessoas para ocupar os postos vagos.

A fila de atraso do FSW será eliminada esse ano e por isso 25.000 novas aplicações serão recebidas. O número de profissões na lista em demanda saltou de 24 para 50. O limite do CEC (Canadian Experience Class) será de 8.000 aplicações a partir de 1º de maio.

As informações completas e todas as instruções necessárias para aplicar pelo FSW de 2014 serão lançadas em 26 de abril de 2014. Porém quem já está com tudo pronto sairá na frente.

Fatos Rápidos

  • Serão as últimas aplicações a serem aceitas pelo FSW, FSTP e CEC antes que o Express Entry (EE) seja lançado em janeiro de 2015. Por isso quem tiver a chance corra e não deixa passar.
  • O número de limite nas aplicações faz com que o programa de imigração atenta ao mercado de trabalho e evita filas no tratamento das aplicações.
  • A última lista de profissões do FSW (que irei colocar logo abaixo) foi desenvolvida para atender perfeitamente a real e atual demanda do mercado de trabalho.

A Nova Lista de Profissões em Demanda para o Federal Skilled Worker

Terá um limite de 1.000 aplicações para cada profissão. Segue a lista:

  1. Senior managers – financial, communications and other business services (0013)
  2. Senior managers – trade, broadcasting and other services, n.e.c. (0015)
  3. Financial managers (0111)
  4. Human resources managers (0112)
  5. Purchasing managers (0113)
  6. Insurance, real estate and financial brokerage managers (0121)
  7. Managers in health care (0311)
  8. Construction managers (0711)
  9. Home building and renovation managers (0712)
  10. Managers in natural resources production and fishing (0811)
  11. Manufacturing managers (0911)
  12. Financial auditors and accountants (1111)
  13. Financial and investment analysts (1112)
  14. Securities agents, investment dealers and brokers (1113)
  15. Other financial officers (1114)
  16. Professional occupations in advertising, marketing and public relations (1123)
  17. Supervisors, finance and insurance office workers (1212)
  18. Property administrators (1224)
  19. Geoscientists and oceanographers (2113)
  20. Civil engineers (2131)
  21. Mechanical engineers (2132)
  22. Electrical and electronics engineers (2133)
  23. Petroleum engineers (2145)
  24. Information systems analysts and consultants (2171)
  25. Database analysts and data administrators (2172)
  26. Software engineers and designers (2173)
  27. Computer programmers and interactive media developers (2174)
  28. Mechanical engineering technologists and technicians (2232)
  29. Construction estimators (2234)
  30. Electrical and electronics engineering technologists and technicians (2241)
  31. Industrial instrument technicians and mechanics (2243)
  32. Inspectors in public and environmental health and occupational health and safety (2263)
  33. Computer network technicians (2281)
  34. Nursing co-ordinators and supervisors (3011)
  35. Registered nurses and registered psychiatric nurses (3012)
  36. Specialist physicians (3111)
  37. General practitioners and family physicians (3112)
  38. Dietitians and nutritionists (3132)
  39. Audiologists and speech-language pathologists (3141)
  40. Physiotherapists (3142)
  41. Occupational therapists (3143)
  42. Respiratory therapists, clinical perfusionists and cardiopulmonary technologists (3214)
  43. Medical radiation technologists (3215)
  44. Medical sonographers (3216)
  45. Licensed practical nurses (3233)
  46. Paramedical occupations (3234)
  47. University professors and lecturers (4011)
  48. Psychologists (4151)
  49. Early childhood educators and assistants (4214)
  50. Translators, terminologists and interpreters (5125)

Não está certo do que se trata a profissão? Não sabe se é compatível com a sua? É simples: pegue o número que está na frente dela (os  4 dígitos) e pesquise. Esse número é o número NOC da  profissão e com ele você pode pesquisar no site do Governo do que se trata especificamente essa profissão.

Se não sabe como ou onde pesquisar o NOC não tem problema já fiz isso por você, rs, é só entrar nesse meu artigo (vídeo tutorial): Pesquisando seu NOC

Comentários Finais

Quem estava com tudo pronto, por já ter tentado aplicar ano passado ou por precaução, sairá na frente e agarrá uma das vagas. Conheço algumas pessoas que já estão com tudo pronto. Os fatores de escolha não irão mudar, continuará a ser: experiência de trabalho, idade, conhecimento linguísticos, formação, etc.

Aliás creio que as regras serão bem parecidas com a do ano passado e por isso colocarei aqui o link do post que fiz no ano passado sobre o FSW. Vale lembrar que em breve irão soltar o novo procedimento e claro irei fazer um post sobre, porém como “base” vale a pena usar os critérios do FSW do ano passado para ganhar alguns dias de vantagem.

Guia de Como Aplicar para o FSW do Ano Passado (2013)

Links Oficiais

Link Ofical 1

Link Ofical 2

42 respostas em “Federal Skilled Worker (programa de imigração federal para o Canada) será reaberto com novos limites e profissões”

Tatiane: Não vai dar pra atualizar. A não ser que você atinga a nota de corte sem o teste e depois mande o teste para aumentar a pontuação. Mas se não atingir não adianta.
Att,
Rafael

Elaine Cristina: Eu acho que o processo de Manitoba não será encerrado. Mas não posso garantir é claro. Porém se eu fosse você eu faria os dois. Aplicaria por este e tentaria o de Manitoba. O que os separa é só o IELTS. Daí vocês teriam duas chances ao invés de uma.
Att,
Rafael

Larissa: Não sei se mestrado conta como experiência profissional. Se eu puder palpitar eu creio que não conta. Nunca ouvi falar nada no sentido. Teremos que pesquisar mais para descobrir.
Att,
Rafael

O IELTS tem que ser apresentado logo de início? Ou pode-se entregar depois como no processo de vista exploratória?

Oi Rafael! Mais uma outra pergunta.

No site da Aliança Francesa tem a seguinte informação: TEF é ainda o único teste de proficiência em língua francesa reconhecido pelo órgão CIC (Cidadania e Imigração Canadá) do governo federal canadense, para atestar o nível de conhecimentos da língua francesa dos candidatos à imigração para esse país. Devendo esses candidatos realizar as provas obrigatórias e facultativas.

No processo provincial, ok eles aceitam outras certificações. Mas para aplicar pelo Federal Skilled Worker (FSW) não dá, só o TEF é aceito. Como a ideia é aplicar pelos dois… comemos bola nessa.

Porque nós fizemos inscrição para o TCF-Quebec e para o IELTS, a intensão é aumentar nossa pontuação no quesito línguas. Mas como o federal só aceita o TEF, significa que no segundo semestre nós vamos fazer o TEF porque agora além de não dar mais tempo de fazer a inscrição é muito dinheiro pra pagar de uma só vez (IELTS, TCF-Q e TEF).

A dúvida é, conseguimos atualizar estas informações depois de enviar o dossiê para o federal? A certidão de nascimento do nosso filho em Agosto eu sei que eles aceitam, desde que paguemos aquela taxa por pessoa, mas não sei se eles vão aceitar o TEF para aumentar nossa pontuação.

Me dá uma luz, please! rs

Obrigada!

Rafael, só para agradecer o seu conselho e seu tempo. ;-) Vou correr para aplicar o quanto antes. Um abraço!

Rafael, minha profissão (RH) está na lista, tenho 8 anos de experiência e formação em psicologia e tenho quase tudo pronto, mas não fiz o IELTS, porque eu e meu marido estamos matriculados na Heartland em Winnipeg para o programa work & study (6 + 6), e pretendíamos fazer a prova após os 6 meses do curso. Estamos aguardando o resultado do visto para viajar em Novembro/14.
Após este curso, pretendo iniciar o curso de Business Administration na RRC enquanto meu marido trabalhará full time e tentaremos aplicar pelo TFW assim que ele concluir os 6 meses de experiência exigidos por Manitoba. Caso não dê certo, tentaremos novamente após o termino do meu curso e experiência pelo PGWP.
Minha dúvida é: Este processo por Manitoba ainda estará valendo com o EE em 2015 ou é melhor correr e fazer o IELTS para tentar ainda em 2014 pelo FSW?
Sua opinião é muito importante para nós!
Agradeço demais se puder nos orientar!
Obrigada por suas contribuições!

Olá Rafael,
Vc sabe se mestrado conta como experiência profissional para o processo federal? Fiz 2 anos de mestrado em dedicação exclusiva e com bolsa, porém para nós não é considerado vínculo empregatício. Por outro lado olhando o meu NOC (3132) encontro “research nutritionist” como um dos itens, e não vejo outra maneira de enquadrar essa experiência senão como atividades de mestrado e doutorado…
Att,
Larissa

Karina: Se vocês forem tentar por algum tipo que inclui estudar em um college e depois trabalhar e entrar com a imigração então não vejo problemas em já ter aberto o do Quebec.
Se não querem morar no Quebec, se tem como e meios de fazer uma imigração mais ativa como a de ir estudando e o outro trabalhando eu desistiria e partiria para outro plano. Detestei ter ficado parado esperando.
Att,
Rafael

Jansen: Sim, vai demorar mais para alcançar o limite. Acho que em agosto ainda tem vaga, provavelmente.
No próprio site do CIC tem o número de aplicações. Assim que começarem a receber eles vão atualizando.
Att,
Rafael

Rômulo: Não posso tirar sua dúvida pois ainda vão soltar os detalhes e pormenores do processo agora no dia 26. Temos que aguardar.
Att,
Rafael

FelipeChina: Não posso te responder agora pois só vão soltar os detalhes e pormenores agora dia 26 de abril. Por enquanto ninguém, a não ser o CIC, sabe como funcionará na prática. Vamos aguardar! :)
Att,
Rafael

Lucas P.: Ainda não sei sobre o CEC. Não soltaram muitas coisas. Vamos ficar no aguardo. Quanto ao seu comentário eu concordo plenamente e realmente creio que é a última chance de imigrar pelo federal nesses moldes. Quem não aproveitar talvez não consiga mais pelo EE.
Att,
Rafael

Tatianne: Você pode sim aplicar pelo federal e depois pelo do Quebec. Não há problema. Quanto a aplicar em 2015 pelo federal não podemos afirmar nada pois o processo mudará para o Express Entry (EE) então não sei ainda ao certo como será, os pormenores e tudo mais.
Minha dica é aplicar pelo do Quebec que nunca fecha as portas e pelo federal ainda este ano se for possível.
Pode demorar mais uma hora sai.
Dificilmente você conseguirá emprego sem ter o visto de RP. As chances são de 5%, por aí.
O melhor é aplicar e ter paciência.
Att,
Rafael

Rômulo: Dá pra fazer com o TEF. O francês é tão aceito quanto o inglês. Não há preferência.
Att,
Rafael

Bruno: O Quebec não vai aderir ao EE. Pode até mudar o processo deles porém o Quebec tem independência para estabelecer seu próprio programa de imigração. Creio que o Quebec será mais fácil que o EE pela a abrangência. Mas o EE será mais rápido.
Att,
Rafael

Olá Rafael!
Eu e meu marido estamos em processo provincial de Quebec à mais de um ano, temos o número de processo enviado pelo BIQ, porém ainda não fomos convocados para a entrevista e parece que nem seremos esse ano. O tempo médio de espera aumentou para 3 anos

Procurando uns cursos para ir como estudante, nos interessamos muito por Vancouver e Manitoba à ponto de desistir do nosso processo (já fomos nos informar sobre cancelá-lo, nós vamos tentar) e recomeçar do zero um novo jeito de imigracão. Quanto aos de Quebec nós não nos indentificamos, achamos mais facilidades em outras províncias. Daí eu pergunto:

**Você saberia me dizer se isso “queima” a gente em outra província? No caso meu marido que já foi requerente de outro processo faria um mestrado na província e tentaria imigrar pelo Canadian Experience Class ou provincial mesmo.

**Alguma sugestão? Você desistiria no nosso lugar?

Obrigada!

Não acredito que entrou publicidade na lista! Tô esperando a séculos por isso!!

Rafael, você acha que se a pessoa enviou a documentação para o processo de Nova Scotia, terá problemas se mandar o processo para o este?

Alice: Agora pro dia 01 de maio com certeza. Para o Express Entry no próximo ano eu não sei porém se tiver que dar um palpite creio que sim.
Att,
Rafael

Poxa, estamos com quase tudo pronto, só falta o IELTS pois faltou o 6 apenas no writing, então no dia 10 de maio minha esposa vai fazer o novo IELTS, então minha dúvida é….será que como aumentaram de 300 pra 1000 aplicações por profissão, o limite de aceitação de processos vai demorar mais pra ser alcançado?! Ela tem 8 anos de experiência como fisioterapeuta, e sei que no ano passado teve gente que conheço que passou no processo que só enviou tudo em agosto, o que você acha desse tempo? Existe algum link oficial que possamos acompanhar essa quantidade de aplicações recebidas por eles?

Abs e parabéns pelo site, ajuda bastante!!!

Ok, Rafael. Achei a resposta, o TEF serve sim.
Outra dúvida: todos os anos de experiência, além de 1 ano, têm que ser na profissão da lista ou basta o 1 ano de experiência de requisito mínimo e os outros anos podem ser em outra função de NOC para ganhar a pontuação por todos os anos? Por exemplo, minha esposa trabalhou 2 anos de assistente financeiro na área de seguros em um banco, creio que ela se enquadra Supervisors, finance and insurance office workers (1212) ou Other financial officers (1114), mas depois os outros anos de experiência dela foi um tempo no setor pessoal de outra empresa e no setor comercial de outra. Todos esses anos contam ou só os anos que correspondem a profissão dela na lista?
Obrigado!

Caramba Rafael, vc tá rápido no gatilho hein! rsrs

Uma dúvida, sou formado em eng. elétrica porém não tenho experiência direta nessa área. Tenho experiência como estagiário na área de qualidade, no departamento de engenharia. Ou seja, não é engenharia elétrica mas ainda sim é engenharia, porém é estágio. Será que isso conta como experiência profissional??

Outra coisa, eu estou atualmente trabalhando como intérprete e vi que essa profissão se encontra na lista. Como eu não sou formado nessa área, é possível que eu aplique pra essa área mesmo assim?

Ah, dúvida nº2: tem que ser só IELTS, não pode ser TOEFL pra aplicar pro FSW?

Abraço! E obrigada novamente. :)

Nayane

Oi Rafael! :D Antes de tudo preciso dizer: s-e-n-s-a-c-i-o-n-a-l o trabalho que fazes aqui. Não só eu, mas aposto que tem muita gente grata pelas atenção e orientações.

Mas vamos à minha dúvida. Minha área apareceu aí, Publicidade e Propaganda, tenho 2 anos e 4 meses comprovados de experiência e um total de 7 anos como freelancer na área. O problema é que na minha carteira de trabalho consta “designer”, apesar de eu executar diversas funções de publicidade. Para esclarecer isso na hora do apply, uma carta do meu ex-chefe relatando minhas funções e etc ajudaria nisso?

Abração!
Nayane

Muito bom o post, Rafael. Obrigado pelas informações!

Agora uma comentário: me parece que esse grande número de aplicações autorizadas (25.000) e uma lista de 50 profissões, abrangendo praticamente a todos, soa como um “é a última chance para todos”, tipo um “agora ou nunca” rs. Me parece até uma compensação para todos que já estão com seus processos prontos de dentro ou fora do Canadá, já com um planejamento montado em cima das atuais regras dos programas federais.

Mas sinceramente, me preocupa, porque não sabemos como funcionará na prática o Express Entry, e só o que sabemos é que ele terá um respaldo do mercado, e a metodologia de imigração se baseará em oferta de emprego. Economicamente eu entendo o Canadá, mas me preocupo pela mudança de critérios, já que estaremos todos (os que ainda não imigraram) nas mãos do interesse do mercado no seu perfil e profissão, e não mais porque você atingiu os requisitos ou planejou sua imigração no longo prazo e foi atrás disso. E o CEC? Será que ele sofrerá muitas mudanças? Sinceramente, estou preocupado.

Gostaria de ouvir a sua opinião. Valeu demais!

Oi Rafael bom dia!

Adoro acompanhar teu site, tudo claro, fácil de entender, informação precisa no tempo certo… Adoro! Muito melhor que muitos sites por ai, inclusive os oficiais… E o melhor, informação de qualidade. Novamente parabéns, virei sua fã! :-D

Bom, eu já estou com a documentação pronta por causa do processo de Nova Scotia e do Quebec, “só” (ri quando escrevi isso) esta faltando o IELTS e o TCF que faremos a prova agora em 10 e 19 de Maio (torcendo muito para dar certo e estudando horrores). A nossa antiga certificação de 5.5 do IELTS foi em 2003, perdeu a validade :-(

Enfim, a pergunta que não quer calar, posso aplicar o federal antes do provincial para aproveitar a oportunidade e sair na frente, ou melhor sossegar e aplicar o provincial, aguardar resposta (sabe Deus quando) para depois aplicar o federal?
Nosso NOC é A:
Computer programmers and interactive media developers (2174)
Financial auditors and accountants (1111)

Nossa pontuação até que é bem legal porque temos 32 e 30 anos, somos casados, teremos um bebê agora em Agosto, temos a grana da venda da casa guardada, temos mais de 6 anos de experiência profissional cada um, somos formados em curso superior (meu de 4 anos e do marido de 2 anos) – o marido esta até terminando a pós graduação por aqui em Arquitetura de Informática (coisa do gênero pq não entendo nda disso) para fazer um upgrade no currículo, nos viramos bem em inglês e francês, o marido já fez intercâmbio em Vancouver em 2003, eu sempre amei o francês. Enfim, aparentemente tudo certo.

Mas estou com um medo danado (leia-se desesperada) com essas mudanças todas que estão acontecendo, nós estamos nos preparando para isso ha uns 2 anos já. Estou com medo de fecharem as portas e janelas de uma vez. Tenho acompanhado a timeline de alguns processos e tem gente aguardando anos! Tipo 5 anos… :-s

Você acredita que com esse nosso perfil, mesmo que por alguma eventualidade nós tenhamos que aplicar o federal em 2015, nós conseguiremos imigrar? Como eu consigo aumentar nosso nível de empregabilidade? Digo isso porque já mandei alguns currículos pelo linkedin, mas eles exigem disponibilidade imediata (CSQ e afins). Será que essa é a melhor forma para nós imigrarmos ou estamos fazendo tudo errado?

Fico preocupada porque tem muita coisa envolvida nisso, é toda uma vida… E agora também tem a vida de um pequeno que esta a caminho…

Ficamos meio travados aqui no Brasil porque eu não consigo fazer uma atualização ou cursos estando aqui no Brasil, a legislação (accountants) é específica, não dá para fazer muita coisa – e olha que eu contatei tudo quando é associação, entidade de classe, órgão regulamentador…

Nossa esse comentário virou um livro, me desculpa. :-)

Obrigado pelo seu tempo Rafael!
Um abraço!

Olá Rafael! Novamente você sai na frente com notícias atualizadas. Parabéns e obrigado por continuar nos ajudando. O Quebec tb aderirá ao novo processo EE a partir de 2015? Na sua opinião, ficará mais fácil ou mais difícil imigrar para o Quebec com o EE? Abs..

Deixe o seu comentário