1- Processo Provincial de Manitoba – Visitas Exploratórias – Explicação (parte 1)

1- Processo Provincial de Manitoba – Visitas Exploratórias – Explicação (parte 1)

Você pensa que só existem duas maneiras de imigrar pro Canada? O Processo Federal e o Processo do Quebec? Pois está enganado. Nesse artigo irei lhe apresentar uma nova maneira, até mais fácil e barata, de se imigrar legalmente para o Canada. (atualizado em 10/04)

Processo Provincial de Manitoba - Visitas Exploratórias

Esse assunto vai ser abordado em uma série de artigos separados para não ficar tão grande. A primeira parte, eu explico o que é o Processo Provincial de Manitoba – Visitas Exploratórias, na segunda parte eu explico como aplicar para ele e seus procedimentos, na terceira parte eu dou informações adicionais importantes bem como a lista de documentos necessários e na quarta parte eu mostro relatos e informações de pessoas que já aplicaram pelo processo de imigração de Manitoba. Outras partes poderão vir no futuro se forem necessárias.

A primeira parte trata-se na verdade de um trecho que já foi publicado dentro do meu Guia Definitivo de Imigração. Como muitos não leram o Guia então vou colocar o trecho que trata só de Manitoba aqui embaixo. É uma explicação geral do que se trata e das vantagens em utilizá-lo. Se você já leu esse trecho antes então pule e vá direto para a segunda parte: “2 Processo Provincial de Manitoba – Visitas Exploratórias – Como aplicar” ou então leia de novo para ficar tudo fresco e claro na sua mente para aproveitar melhor a segunda parte.

Processo Provincial de Manitoba (Visitas Exploratórias) 

Trata-se de uma opção de imigração diferente de tudo que eu já tinha visto. Devo confessar que cheguei a considerar essa opção porém como o processo do Quebec andou e recebi finalmente meu CSQ então deixa-a de lado. Já tinha até preenchido os formulários e juntado os documentos. Por isso posso falar dela com propriedade. Para poupar seu tempo irei postar os 7 critérios mínimos para poder se qualificar pra esse processo. Se você não tiver um deles então pode pular esse processo se preferir:

Sete critérios para fazer visitas exploratórias em Manitoba

1. Ter entre 21 e 45 anos;

2. Ser formado em alguma coisa, técnico ou bacharel, por exemplo;

3. Ter trabalhado no mínimo 2 anos nos últimos 5 anos em tempo integral e demonstrar que você pode se empregar em Manitoba nessa mesma ocupação (por exemplo demonstrar que você executava tarefas iguais ou parecidas com as que os Manitobenses executam no mesmo cargo);

4. Demonstrar que você possuí 6 pontos em Inglês ou Francès segundo os critérios de Manitoba (o oficial é que vai lhe dar uma nota durante a entrevista) e/ou ter um mínimo de 5 no IELTS (pontuação relativamente baixa);

5. Provar que você não tem fortes laços com outra província do Canada e que tem forte e bom potencial de se estabelecer permanentemente em Manitoba (provar que não vai fugir pra Toronto, Vancouver ou Montréal) assim que conseguir o visto de Residente Permanente, rs);

6. Você deve contactar o MPNP (órgão deles responsável pela imigração provincial) com pelo menos 2 meses de antecedência para discutirem a possibilidade de fazer a visita exploratória (ou seja, quanto antes você contactá-los mais fácil será de acertar uma data para a visita onde oficiais estarão disponível para a reunião final (que é obrigatória como vem no passo a seguir);

7. O MPNP tem de concordar ANTES de você chegar em Manitoba em ter uma reunião com você ao final da visita exploratória. Ou seja, você tem de ser “mini-selecionado” antes de fazer a visita, combinar a data e fazer a entrevista.

Para facilitar a explicação vou copiar e adaptar as palavras do Alexei do blog Rapadura, please, Rapadura, svp (todo o crédito é dele):

Como funciona o Processo:

“Por ele, o candidato precisa enviar por e-mail seus documentos mostrando seu potencial como skilled worker e seu interesse em fixar-se na província. Se a resposta for positiva, o candidato poderá fazer uma viagem exploratória às suas custas para conhecer a vida local, sondar o mercado de trabalho na sua área e conhecer o que puder. A obtenção do visto de “turismo” canadense é de total responsabilidade do candidato. Uma entrevista será marcada no final da visita. Nesta, o candidato terá que provar que se identifica com a província, em qual vizinhança pretende morar, o que aprendeu, o que visitou, quais serviços utilizou, as empresas com as quais fez contato para explorar oportunidades potenciais (para o(a) esposo(a) também, se for o caso), entidades profissionais que regulamentam a profissão e, principalmente, porque o candidato acha que é um forte candidato ao programa. É recomendado comprovar o que puder através de documentos.

 Por ser uma província não muito procurada e sem muito prestígio, é bem fácil imaginar que vão existir candidatos querendo usar esse processo como porta dos fundos para ir para outras províncias. Os responsáveis pelo processo não são tolos e dão a entender pelo texto de que o candidato vai ter que se rebolar (no sentido figurado somente) para provar que pretende realmente se estabelecer e continuar morando lá.
Como vantagem, eles dizem que o processo incluindo a parte federal é acelerada. O outro ponto positivo que vejo é que dá a entender que a exigência de inglês é menor. Caso opte pelo exame de proeficiência que é usado no processo federal, o IELTS, a nota mínima é 5. Caso seja usada a auto avaliação do MPNP, basta se enquadrar no nível de 6 pontos que diz “Applicant has received some instructions and/or has to be employable in Manitoba””. (Alexei)

O Alexei já disse tudo. Porém alguns adendos de minha parte: é um processo sério e de certo ponto de vista pode ser mais fácil que os outros (e mais barato que o CEC por exemplo). Meu exemplo: morei nos EUA e antes disso já tinha um inglês avançado, morando lá adquiri um inglês quase-fluente (fluente para mim uma pessoa só é morando em um ambiente anglófono).

O que eu fiz? Aprendi francês do zero pagando uma fortuna por isso na Aliança Francesa e com professor particular. Ainda mais: tive de ir à Salvador para a entrevista (mais despesas com viagem) e sem contar as taxas do Quebec que são salgadas. E o pior: ando sofrendo com a espera milenar do Consulado sem data ou informações deles até agora.

O que eu poderia ter feito? Poderia ter me programado e estudado Manitoba (cultura, história, potencial, etc), pago uma viagem para o Canada, fazia turismo com minha esposa e ainda fazia a Visita Exploratória (com dedicação e afinco), ia pra reunião em uma língua que domino relativamente bem (inglês) e já saía da reunião com o Oficial com a resposta de aprovado ou não.  Talvez eu já estivesse lá trabalhando ao invés de aqui sofrendo com a demora e falta de informação.

Nessa reunião se aprovado a pessoa recebe uma Carta Convite para Aplicar pro Processo. Com ela quando voltar para o seu país você aplica para a Imigração Provincial de Manitoba e em cerca de 3 meses receberá a Approval Letter (Carta de Aprovação) que com esta você aplica para o Federal e já pode inclusive procurar emprego em Manitoba! Você recebe autorização para procurar trabalho (e trabalhar é claro) na província enquanto não sai o visto de residente permanente. Pode parecer complicado mais não é. Resumo do resumo: Se você for para a visita exploratória e for aprovado pelo oficial(s) na entrevista final e receber a carta convite então você está garantido. O resto é burocracia. Basta fazer o dever de casa.

Na internet você encontra várias pessoas que foram para essas visitas exploratórias e foram aprovadas e conseguiram e algumas já estão em Manitoba trabalhando. A maioria é em inglês pois os gringos estão se aproveitando desse processo enquanto aqui no Brasil poucas pessoas estão se movimentando nesse sentido. Se eu não tivesse dado entrada pelo Quebec, hoje eu consideraria seriamente esse processo ou o CEC (se a sua intenção é morar em uma cidade específica).

Aqui o testemunho (resumido e adaptado) de um gringo traduzido por mim (original em inglês aqui):

“Eu li a respeito do MPNP (Processo Provincial de Manitoba). Eu apliquei no final de novembtro de 2011 e fui aprovado para fazer a visita exploratória em janeiro de 2012 e fui fazer minha visita em março de 2012. Ao final de minha visita eu tive uma entrevista com dois oficiais do governo que eram do departamento de imigração de Manitoba. Ao final da entrevista eu consegui minha carta convite. Em seguida mandei meu processo por meio eletrônico. Ao que parece seguirá assim: em 3 meses vou receber minha carta de aprovado pela província em minha casa e no máximo de 12 meses vou ter meu visto de residente permanente. Entretanto assim que minha carta de aprovação chegar eu posso trabalhar legalmente em uma empresa da província de Manitoba sem essa empresa ter de entrar em contato com o governo federal. Eu posso assim conseguir um visto de trabalho canadense e esperar o visto de residente já lá, trabalhando.”

Para finalizar devo dizer que Manitoba não é uma província com megas cidades como Toronto, Montréal, Vancouver, etc. Winnipeg é uma cidade de médio porte porém oferece tudo que você vai precisar é claro. O mercado de trabalho conta com menos vagas por ser menor e por isso vale uma pesquisa antes na sua área de trabalho. Em contrapartida Manitoba não é tão procurada pelos imigrantes e por isso também a competividade poderá ser menor. E uma vez lá não gostando da província poderá mudar para qualquer outra (não aconselho fazer o processo já pensando nisso pois acho falta de caráter e de ética).

Observação: apesar desse processo ser nitidamente menos complicado do que o Processo de Imigração Federal e o do Québec por exemplo, não quer dizer que todas as pessoas serão aceitas. Isto quem decide são eles ao analisar seu perfil. Porém como não custa nenhum centavo mesmo por que a correspondência é toda feita por email então vale à pena tentar para quem preenche os requisitos.

(Vá para a segunda parte dessa série)
[bannermenor]

Veja também

33 Responses to 1- Processo Provincial de Manitoba – Visitas Exploratórias – Explicação (parte 1)

  1. tenho 52 anos e muito interesse em imigrar, será que a idade máxima é somente 49 anos.
    obrigada

  2. Em algumas categorias de imigração existe um limite máximo de idade como no de Manitoba. Porém no Canadian Experience Class não existe tal limite. Se você cumprir os requisitos: (2 anos de estudo + 12 meses de trabalho) então você poderá ir independente da sua idade. Porém isso requer que você volte a estudar. Para entender melhor o Canadian Experience veja aqui: http://www.imigrar.com.br/canadian-expirience-class-talvez-o-jeito-mais-facil-de-imigrar/ e aqui:

  3. como eu poderia provar que eu não tenho intenções de sair da cidade depois que tiver o visto nas mãos. e quanto ao serviço, como provo? carteira de trabalho mesmo ou carta da empresa?

    muito obrigada pelas infos. :)

  4. Aí que tá Juliana, rs. Provar que não irá sair de lá é algo bem subjetivo. Creio que é só falar a verdade. A maior preocupação deles são pessoas que já tem parentes e amigos em outras cidades do Canadá. Muitos chineses, indianos, etc, se utilizam de quaisquer formas de imigração para poder chegar nas enormes comunidades que lá tem. Na verdade não há um critério. Porém não ter nenhum parente lá já é um bom sinal.
    E o trabalho para a primeira fase (mandar e-mail) basta carta da empresa. Na segunda parte (a entrevista lá) é bom levar tudo que tem: carta, carteira de trabalho, holerite, etc.
    Att,
    Rafael – Site Imigrar

  5. Obrigada Rafael pela resposta. só mais uma perguntinha, vamos supor assim que depois de alguns anos morando em Manitoba, surja uma oportunidade de mudar de província, é possível? ou existe algum tipo de restrição no visto que só te possibilite a moradia naquela província em especifico? Valeeeu.

  6. Não haverá restrição alguma. Aliás assim que sair o visto de residente permanente você poderá se mudar para qualquer cidade do Canadá. Porém não aconselho a já entrar no processo pensando nisso, vai da consciência de cada um. Agora se for morar lá e realmente não se adaptar pode sim se mudar pra qualquer cidade .

  7. Boa tarde Rafael,

    FYI: estou do mesmo jeito que voce, tenho ingles fluente, sou formado e trabalho na área do mercado “necessário do Canada” TI, já gastei uma fortuna com a Aliança Francesa e desde o ano passado nao tenho noticias do meu CSQ…
    Marquei meu teste do IELTS para 1o de Dezembro e logo após isto já quero mandar o e-mail com o resultado do IELTS, um dossie de investigação da provincia mais o interesse em fazer a missão exploratória.
    Cenas dos próximos capítulos, mas assim que tiver mais notícias compartilho com voce para atualização do seu post.

    Att, Diego

  8. Oi Rafael
    O visto para a viagem exploratoria pode ser um simples visto de turista ou tem algum outro especifico para esta modalidade?

  9. Legal.
    Que bom que eh simples.
    Outra duvida seria com ralacao a quando eh melhor tirar o visto: antes ou depois de receber o e-mail deles confirmando que podemos fazer a viagem para a reuniao?
    Muito obrigada.

  10. Eu acho que tanto faz. Se você tiver um bom perfil para tirar visto de turista então tira fácil. Porém poderia ser melhor tirar depois que mandar o pedido ou até mesmo quando eles aceitarem a visita. O visto de turista sai rápido então não tem problema.
    Att,
    Rafael

  11. Olá Rafael!

    Desculpa perguntar novamente, é que queria tirar algumas duvidas do passo a passo desse processo. Quando enviar o email com os documentos e a solicitação, os documentos já vão traduzidos e juramentados? Após a entrevista eles dão um prazo de até 3 meses para enviar a carta de aprovação, sendo que com isso poderá ir ao Canadá trabalhar, mas pode ir com o visto de turista mesmo e trabalhar? O prazo de estadia de turista é até 1 ano (que seria o prazo máximo de entrega do visto permanente deles)? Muito obrigado

  12. Oi Adriano. Você irá mandar um email e eles vão analisar seu perfil. Os documentos não precisam ser traduzidos por um tradutor juramentado nesse primeiro passo. A resposta do email será um convite para você ir fazer uma visita exploratória em Manitoba e no final dessa visita você irá ter uma entrevista com os oficiais de imigração do governo de Manitoba. Nessa entrevista você saberá se será aprovado ou não. Se sim, eles mandarão uma carta convite para aplicar pro processo. Depois de tudo homologado você poderá procurar emprego em Manitoba com visto de turista e após achado este a província lhe dará uma autorização para trabalhar e providenciarão seu visto de trabalho.
    Att,
    Rafael

  13. Boa noite, Rafael!

    Será que vc pode me ajudar?
    Tenho quase odos os requisitos, exceto um. Sou enfermeiro e não consigo arrumar um emprego como tal de imediato. Preciso equipar os estudos, talvez estudar mais em alguma Universidade e aí sim, após ter um status de imigração poderia aplicar para o conselho de enfermagem de Manitoba e prestar um exame. Somente depois poderia trabalhar como enfermeiro. Entretanto posso arrumar outro emprego, até como garçon, no caso. Poderia aplicar? Tenho chance?

  14. Tem sim. Não custa nada tentar. Por email eles lhe dirão se será aceito ou não. Eles não fizeram proibições para profissões regulamentadas. Na verdade enfermeiro é uma profissão em bastante demanda no Canadá inteiro. Talvez isso lhe ajude mais do que atrapalhe.
    Att,
    Rafael

  15. Boa noite Srs, favor atentar ao enviar o cv e o resultado do IELTS em attachment.

  16. Isso mesmo Diego! Tudo em anexo, não só cv e IELTS mas todo documento que possa dar suporte ao que você está dizendo.
    Att,
    Rafael

  17. Oi Rafa, estou adorando o blog. Tenho algumas perguntas mais específicas…vê se vc pode me ajudar:
    – Posso aplicar junto com o meu namorado? Eu tenho inglês fluente (inclusive estudei lá, em Victoria BC) mas ele ainda tem o básico, quer dizer, entende tudo mas não fala quase nada,rsrs porém começará o curso ainda este mês…é possível eu já aplicar? Terei que esperá-lo’ o fato de eu ainda não ser casada conta como algo negativo?
    – Para fazer a visita exploratória nós temos que ir juntos ou eu posso ir sozinha e verificar possibilidades de trabalho também para ele?
    – Sei que no site eles pedem o IELTS como comprovante do inglês, mas tenho diploma de inglês de escola particular lá…será que é válida???

    Enfim, continue sempre postando mais novidades…ajuda bastante!

    obrigada,

  18. Viviane: Fico feliz que esteja gostando! rs Posso tentar ajudar. Vamos lá…
    – Posso aplicar junto com o meu namorado? Eu tenho inglês fluente (inclusive estudei lá, em Victoria BC) mas ele ainda tem o básico, quer dizer, entende tudo mas não fala quase nada,rsrs porém começará o curso ainda este mês…é possível eu já aplicar? Terei que esperá-lo’ o fato de eu ainda não ser casada conta como algo negativo?
    Vocês só poderão aplicar juntos se forem casados ou terem uma relação de fato, ou seja, se já morarem juntos por um tempo. O processo não aceita namorados, noivos, etc. Só solteiros, casados ou cônjuges de fato.

    – Para fazer a visita exploratória nós temos que ir juntos ou eu posso ir sozinha e verificar possibilidades de trabalho também para ele?
    Só é preciso ir o aplicante principal. Mas como vocês não são casados e talvez não morem juntos então você não poderá incluí-lo no seu processo.

    – Sei que no site eles pedem o IELTS como comprovante do inglês, mas tenho diploma de inglês de escola particular lá…será que é válida???
    Só seria válido se você estudou por muito tempo lá e algum curso como high school, college ou faculdade. Curso de língua não vale. Por isso o IELTS será obrigatório.
    Qualquer coisa pode perguntar!
    Att,
    Rafael

  19. Oi Rafael, gostaria de saber quais sao minhas reais chances de imigrar para o Canada. Meu esposo e eu temos 33 anos, falamos ingles (moramos 10 anos nos EUA) ele eh kitchen training e trabalhava na area da construcao civil e eu estou no 7 periodo de administraçao e tambem trabalhei como cozinheira e garçonete. Gostaria de terminar meu curso la e nao sei como fazer p aplicar. HELPPPPPPPPP

  20. Dayane: Você quer terminar a faculdade lá? Se sim você tem que procurar um college ou universidade que lhe agrada, entrar em contato com eles, fazer a matrícula e após tudo certo com eles você aplica para um visto de estudante.
    Então o primeiro passo é achar a escola… Como falam inglês então ficará fácil a comunicação com eles para acertar todos os detalhes.
    Depois disso você se preocupa com o visto de estudante.
    Att,
    Rafael Alencar

  21. Olá Rafael. Sem palavras para agradecer todo o suporte do site! Se me permite, apresento a minha dúvida: Sou formado e trabalho em Administração, porém não me vislumbro trabalhando nesta área logo de cara no Canadá, devido ao meu ver precisar de experiência local e maior fluidez no idioma. Posso ser sincero na entrevista, dizendo que pretendo inicialmente trabalhar em setores como, por exemplo, caixa de supermercado ou em uma cafeteria?

  22. João: sinceridade nunca é demais. Porém creio que seria melhor dizer que tentará trabalhar na sua área porém enquanto não conseguir você está disposto a trabalhar em outras coisas. Tudo depende da forma que você colocará.
    Att,
    Rafael

  23. Muito obrigado pela resposta e atenção Rafael! Pretendo realmente fazer isto.

    Li no site “www.immigratemanitoba.com” o seguinte: “In Manitoba, IELTS (or CELPIP) is used to measure the language proficiency of international clients. The MPNP recommends that skilled workers score at least 4 on IELTS (General) to apply. (Priority applicants must have IELTS 5 or higher.)”

    Portanto é possível tentar com somente 4 pontos no IELTS? Eu tendo a oportunidade de fazer a visita, pretendo ir o quanto antes, para ficar em uma homestay canadense e fazer um curso de inglês intensivo, de maneira a chegar com o inglês mais fluente na entrevista.

    Grande abraço Rafal.

  24. João: creio que para a Visita Exploratória é pedido no mínimo a nota 5. Digo isto pois na página da Visita Exploratória eles deixam isso bem claro: “have job-ready English proficiency demonstrated by scoring at least 5 on a recent IELTS test”
    Então tenha como alvo a nota 5. Estude! rs
    Att,
    Rafael

  25. Rafael, como “provar” que nao tenho fortes vinculos com outras provincias e que vou de fato me estabelecer em Manitoba? Fiz intercambio em Vancouver por 1 mes…. e tenho um amigo canadense la, e outro em Montreal. Isso pode me prejudicar??? Eles podem considerar amigos como “fortes vinculos”?
    Obrigada!!

  26. Alícia: 1 mês não irá te prejudicar. Não se preocupe. Não mencione que tem amigos em outras províncias. Só isso.
    Att,
    Rafael

  27. Fala Rafael! Estava lendo um material que chamou minha atenção. Trata-se do item constante do pagina oficial do governo de Manitoba http://www.immigratemanitoba.com/how-to-immigrate/apply/exploratory-visits/, que diz o seguinte:
    Generally, to be selected for an exploratory visit and personal interview with an MPNP officer you must be age 21 to 45, and have:
    •no other connection to Manitoba (ie. through friends, relatives or previous employment or education in the province)

    Não sei se entendi direito mas está dizendo que eu não devo ter nenhuma conexão ou experiência anterior com a própria provincia, é isso mesmo?
    Pretendia fazer um intercambio e explorar o território antes de aplicar ou tentar aplicar mas diante disso, vou voar para outra cidade, é isso mesmo?
    Grato e Sucesso.

  28. Simao: É isto mesmo. Se você tiver alguma dessas ligações tem que aplicar por outras categorias deles. Por isto o aviso. Eles tem outras categorias que se encaixam nos exemplos dados.
    Você pode sim visitar a província, a cidade de Winnipeg. Não tem problema algum. Até será bem visto por eles. Só não pode é estudar ou trabalhar.
    Att,
    Rafael

Deixe o seu comentário